Barclays Bank Moçambique apresenta resultados extremamente sólidos em 2015

O Barclays Bank Moçambique, S.A. (BBM) apresentou esta terça-feira os seus resultados referentes ao exercício de 2015, numa conferência de Imprensa, que teve lugar no Hotel Radisson, em Maputo.

A sessão foi presidida pelo Administrador Delegado, Dr. Rui Barros, que se mostrou bastante satisfeito com os resultados alcançados no ano transacto e optimista em relação ao futuro do Banco em Moçambique, quer a nível de resultados financeiros como de crescimento e satisfação da sua carteira de Clientes. 

Para Rui Barros os resultados do exercício económico de 2015 demonstram o sucesso da estratégia do Banco, que já havia dado sinais positivos de crescimento em 2014. O compromisso em ser o Banco de Referência em Moçambique e a exigência contínua dos Clientes levaram o Barclays a planear mais investimentos para 2016, em particular no que respeita à melhoria no atendimento diferenciado, da infra-estrutura tecnológica e aposta na inovação, por modo a tornar-se cada vez mais a escolha óbvia de quem procura um banco de excelência. 

O Administrador Delegado, realçou ainda que 2015 foi também um ano de investimento na simplificação da estrutura mais operacional do Banco, com o reforçar do posicionamento mais centrado no Cliente, tendo reforçado o nível de comunicação com os seus Clientes, procedido à abertura de um moderno Centro Premier, e iniciado o processo de reabilitação dos seus balcões, para além do lançamento novos produtos bancários.

Rui Barros acredita que o Barclays tem neste momento uma base sustentável para atingir os objectivos de longo prazo a que esta equipa de gestão se propõe, apoiando os seus Clientes e Moçambique a crescer a cada dia. Exemplo disso são a iniciativas de responsabilidade social que o Banco tem vindo a desenvolver e que, promete, irão expandir ainda mais em 2016. 

A apresentação dos resultados foi realizada pelo Dr. George Franco Davis, Director Financeiro da Instituição, que afirmou que o resultado positivo ao nível dos Resultados Líquidos do Exercício, fixado em 308 milhões de Meticais, representa uma recuperação muito significativa quando comparado com o resultado de negativo de 16.9 Milhões de Meticais no ano anterior. Os resultados são ainda mais sólidos quando se verifica que, relativamente ao ano anterior, o Banco aumentou os proveitos (em cerca de 50%), reduziu as imparidades de crédito (em cerca de 22%) e expandiu de forma significativa a carteira de depósitos e crédito. 

Uma dimensão não menos importante, é a robustez da posição de capital do Barclays, com um maiores níveis de capitalização e liquidez do mercado moçambicano, factores também de sucesso que o torna um parceiro de referência para grandes empresas a operar no país ou com planos de investimento avultados para um futuro próximo. 

Olhando para o o remanescente do ano de 2016, os dois administradores do Barclays Moçambique denotaram preocupação com a situação económica vigente de aumento de inflação, redução do crescimento económico e subida de taxas de juro. Contudo, no médio e longo prazo, dizem-se confiantes no sucesso de Moçambique e do seu negócio. 

O Barclays Moçambique clarificou ainda as revelações recentes relacionadas com a venda de parte das acções por parte do Barclays Bank PLC, no Barclays Africa Group (BAGL), sendo que de acordo com o seu Administrador Delegado, estas decisões que podem vir a modificar a estrutura accionista do BAGL, em nada alteram quer estrutura accionista quer a continuidade da estratégia do Barclays Bank Moçambique, e muito menos terão qualquer impacto nos seus trabalhadores. 

O Barclays Bank reforça assim a sua posição como um dos maiores bancos do país, dos mais sólidos e em franco crescimento.

Serviço ao Cliente

Telefones: 1223

Ou: +258 21344400

Para Reclamações, clique aqui

Para serviços gerais e questões relacionadas com sistemas, clique aqui

Contactos Corporate

Tabela de Câmbios

Moeda Compra Venda
USD 60.50 61.71
EUR 71.95 73.39
ZAR 4.52 4.61

2017/21/09

Outras moedas

Premier

Prestige

Corporate